Diretoria da Aneel homologa resultado do leilão de usina de Três Irmãos

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) homologou nesta terça-feira o resultado do leilão de concessão da usina de Três Irmãos, em São Paulo, realizado em março.

REUTERS

26 de agosto de 2014 | 09h58

Na ocasião, a hidrelétrica de 807 megawatts (MW) foi arrematada pelo consórcio Novo Oriente, formado por Furnas, da Eletrobras, e pelo Fundo de Investimento em Participações (FIP) Constantinopla, mas a assinatura do contrato estava bloqueada por medida cautelar do Tribunal de Contas da União (TCU).

Com a queda da cautelar, na semana passada, a Aneel foi liberada para homologar o resultado do leilão, um dos últimos passos antes da assinatura do documento.

Em julho, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) já havia aprovado a aquisição, pela Triunfo Participações, da totalidade das cotas do FIP Constantinopla.

A usina de Três Irmãos pertencia à Cesp, mas como a empresa não aderiu ao programa de renovação antecipada das concessões, lançado em 2012, a usina voltou para a União, que a licitou em março passado.

(Por Leonardo Goy)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIATRESIRMAOSANEEL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.