Dívida do setor público corresponde a 36,6% do PIB em novembro

No ano, a dívida líquida do setor público apresenta queda de 2,5 ponto porcentual

Adriana Fernandes e Fernando Nakagawa, da Agência Estado,

28 de dezembro de 2011 | 10h49

A dívida líquida do setor público recuou em novembro para 36,6% do Produto Interno Bruto (PIB), alcançando R$ 1,508 trilhão. De outubro para novembro, a dívida caiu 0,8 ponto porcentual. O principal motivo da queda foi a depreciação cambial de 7,3% no mês, segundo informou há pouco o Banco Central. No ano, a dívida líquida do setor público já apresenta queda de 2,5 ponto porcentual. Em dezembro do ano passado, a dívida equivalia a 39,1% do PIB (R$ 1,475 trilhão).

O superávit acumulado de janeiro a novembro, segundo o BC, contribuiu para uma redução da dívida de 3,1 ponto porcentual. A desvalorização cambial de 8,7% acumulada no ano contribuiu com queda de 1,1 pp. Já a variação na paridade das moedas que compõem a dívida externa líquida contribuiu com redução de 0,2 ponto e o efeito do crescimento do PIB corrente com 3,3 ponto. Segundo o BC, essas reduções foram compensadas parcialmente pelo impacto dos juros no estoque da dívida, que elevou em 5,2 ponto a dívida líquida. A dívida bruta subiu em novembro para R$ 54,5% do PIB, alcançando R$ 2,245 trilhões, com aumento de 0,2 ponto ante outubro. 

Tudo o que sabemos sobre:
dívidaPIB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.