Dow e S&P se sustentam e avançam em sessão volátil em Nova York

Os índices Dow Jones e S&P 500fecharam em alta nesta segunda-feira, puxados por ações dosetor de saúde e de fabricantes de produtos com demandaconstante à medida que os investidores buscavam ações deempresas com menor exposição a uma desaceleração econômica. O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York,avançou 0,21 por cento, para 12.827 pontos e o Standard &Poor's 500 teve valorização de 0,32 por cento, para 1.416pontos. Já o termômetro de tecnologia Nasdaq caiu 0,21 porcento, para 2.499 pontos. A farmacêutica Merck e a fabricante de cigarros Altriaestavam entre as apostas defensivas dos investidores queajudaram os principais índices de Wall Street a registrarganhos no final de uma sessão volátil. Foi a primeira alta doS&P no ano. O Nasdaq, no entanto, caiu com o temor de que umadesaceleração dos Estados Unidos afete a economia global, o quetambém pesaria sobre o setor de tecnologia. A Apple recuou 1,3por cento, e a Hewlett-Packard perdeu 3,2 por cento. É o pior começo de ano para o Nasdaq desde 2000, quando oíndice teve queda acumulada de 8,4 por cento nos primeirosquatro dias do ano. Em 2008, a baixa é de 5,76 por cento. "O mercado está tentando acertar o passo após um começoruim de ano", disse Kurt Brunner, gestor de portfólio daSwarthmore Group, na Filadélfia. "As ações defensivas seguraram o mercado, mas você tevemuita conversa sobre uma desaceleração global e de como issovai afetar os setores industrial e de tecnologia." (Reportagem de Chris Sanders)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.