Dúvidas sobre juros colocam bolsas dos EUA em baixa

As bolsas de valores norte-americanascaíram pelo terceiro dia seguido nesta quarta-feira, depois quemembros do Federal Reserve colocaram em dúvida a perspectiva denovos cortes do juro e desanimaram a recuperação puxada pelosresultados de empresas de mídia. O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York,recuou 0,53 por cento, para 12.200 pontos. O termômetro detecnologia Nasdaq caiu 1,33 por cento, para 2.278 pontos. Oíndice Standard & Poor's 500 teve desvalorização de 0,76 porcento, a 1.326 pontos. As ações subiram no começo da sessão, se recuperando damaior queda em quase um ano, com os resultados robustos da WaltDisney e da Time Warner . Os dois conglomerados de mídiaalimentaram o otimismo de que os lucros corporativos fora dosetor financeiro possam estar se sustentando. O mercado perdeu força no meio da sessão após dois membrosdo Federal Reserve dizerem que os responsáveis pela políticamonetária precisam continuar vigilantes contra as pressõesinflacionárias, mesmo que a economia desacelere rapidamente. Os comentários abalaram a especulação de que o Fed poderiater que fazer outro corte emergencial dos juros em resposta aosrelatórios sobre geração de emprego e setor de serviços, quesugeriram que a economia está caindo em recessão. "Eu acho que eles estão só tentando amenizar os comentáriosque foram vistos nos últimos dias, de que o Fed precisaria deoutro corte extraordinário", disse Subodh Kumar,estrategista-chefe de investimentos da Subosh Kumar &Associates, em Toronto. "O mercado está respondendo à essaincerteza." A Macy's contribuiu para o pessimismo no final da sessãoapós divulgar números decepcionantes de vendas. O resultadoaumentou a ansiedade antes da onda de dados na quinta-feirasobre as vendas de varejistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.