Economia não está superaquecida, diz Mantega

O ministro citou dados de utilização da capacidade instalada e de investimentos para justificar esta opinião

Eduardo Rodrigues e Adriana Fernandes, da Agência Estado,

21 de outubro de 2010 | 12h56

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou há pouco a jornalistas que a economia brasileira não está superaquecida. Segundo o ministro, a economia realmente começou aquecida no início do ano, mas desacelerou e agora "está rodando a um nível satisfatório". O ministro citou dados de utilização da capacidade instalada e de investimentos para justificar esta opinião. "Não há pressões inflacionárias de demanda", afirmou.

Perguntado sobre a decisão do Copom de manter a Selic em 10,75%, Mantega respondeu que não comentaria o assunto. 

Tudo o que sabemos sobre:
Mantegainflaçãoconsumojuro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.