El Paso vende US$275 mi em ativos, inclusive no Brasil

A empresa de gás natural El Paso anunciou na segunda-feira que levantou 275 milhões de dólares por meio de uma série de venda de ativos, incluindo a de sua participação em uma unidade de geração de energia no Brasil. O montante arrecadado é maior do que o inicialmente esperado pela empresa e as vendas ocorreram antes do previsto pelo cronograma da companhia. Em outubro, a El Paso informou que seu orçamento para 2009 incluía a venda de 150 milhões de dólares em ativos não-essenciais até meados do ano que vem. "Estamos um pouco adiantados em relação ao cronograma e isso envolve mais dinheiro do que anunciado", disse Richard Wheatley, um porta-voz da empresa. A venda de ativos é parte dos planos da El Paso para fazer frente à crise do crédito. Em 2009, a unidade de gasodutos da companhia planeja gastar 1,7 bilhão de dólares, enquanto a unidade de exploração da El Paso planeja gastar cerca de 1,3 bilhão de dólares. Em 2008 os gastos da empresa totalizarão cerca de 3,5 bilhões de dólares. A El Paso disse que executou um acordo para a venda de sua participação em uma unidade de geração de energia em Porto Velho por 178 milhões de dólares. Essa venda conclui a saída da empresa dos negócios de geração de energia no Brasil. A companhia também informou que completou a venda de um terminal de óleo combustível localizado no sul de Boston por cerca de 20 milhões de dólares e a El Paso também entrou em dois acordos para vender duas propriedades de produção de gás natural por um total de 77 milhões de dólares. (Reportagem de Anna Driver em Houston)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.