Embraer entregará 10 jatos a empresa aérea ucraniana

A Embraer acertou acordo com a companhia aérea ucraniana Dniproavia para a entrega de 10 jatos modelo 190, numa operação de 400 milhões de dólares a preços de tabela dos aviões, mas que pode chegar a 600 milhões se outras cinco opções forem confirmadas.

REUTERS

31 de janeiro de 2011 | 09h02

Segundo a fabricante brasileira, o valor do acordo será incluído a carteira atual de pedidos firmes da Embraer. A operação foi estruturada por meio de uma operação de leasing organizada por terceiros, afirma a empresa.

Os aviões serão configurados em duas classes e terão capacidade para 104 passageiros. A entrega das duas primeiras aeronaves está prevista para o último trimestre de 2011. Todos os dez aviões servirão às rotas domésticas e internacionais.

Além dos 190, a frota da Dniproavia terá 25 aviões da Embraer modelo 145 até o final deste ano.

Em 2010, a Embraer entregou 246 aviões, acima da meta de 227 aeronaves e mais que os 244 aparelhos despachados em 2009. A carteira de pedidos firmes fechou o ano passado em 15,6 bilhões de dólares.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Tudo o que sabemos sobre:
AEREASEMBRAERUCRANIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.