Empresários do Brasil e EUA discutirão promoção comercial

Fórum irá discutir, entre outros temas, promoção do comércio, da indústria e intercâmbio tecnológico

Renata Veríssimo, da Agência Estado,

05 de outubro de 2007 | 15h25

Vinte presidentes de grandes empresas brasileiras e norte-americanas estarão reunidos em Brasília na próxima quinta-feira, 11. Será a primeira reunião do Fórum de Altos Executivos de Empresas Brasil-Estados Unidos, criado em março deste ano durante encontro dos presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e George W. Bush, em Camp David, nos Estados Unidos. São presidentes de companhias que têm demonstrado um forte interesse no comércio Brasil-Estados Unidos. Segundo o Ministério do Desenvolvimento,Indústria e Comércio Exterior, o Fórum irá discutir, entre outros temas, promoção do comércio, da indústria e do investimento, melhoria da competitividade por meio da inovação e do empreendedorismo, qualificação da mão de obra e intercâmbio tecnológico em áreas-chave. As sugestões do setor privado serão apresentadas ao final da reunião aos ministros do Desenvolvimento, Miguel Jorge, e da Casa Civil, Dilma Roussef, ao secretário de Comércio dos Estados Unidos, Carlos Gutierrez, e o assessor do Presidente para Política Econômica dos EUA, Allan Hubbard. Do lado brasileiro participarão os empresários Josué Gomes da Silva, da Coteminas; Ermírio de Moraes, da Votorantim; Carlos Alberto Vieira, do Banco Safra; Jorge Gerdau Johannpeter, do Grupo Gerdau; José Luís Cutrale, da Sucocítrico Cutrale; Luiz Roberto Nascimento, da Camargo Corrêa; Marcelo Bahia Odebrecht, da Construtora Norberto Odebrecht; Marco Antonio Stefanini, da Stefanini IT Solutions; Maurício Botelho, da Embraer e Roger Agnelli, da Companhia Vale do Rio Doce. Do lado dos Estados Unidos, os participantes são: Tim Solso, da Cummins; Alain Belda, da Alcoa; Greg Page, da Cargill; Bill Rhodes, do Citibank; Neville Isdell, da Coca-Cola; Rick Wagoner, da General Motors; David Speer, da Illinois Tool Work; Craig Barret, da Intel; John Faraci, da International Paper e Greg Brown, da Motorola.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.