Equatorial passará a ter o controle da Celpa

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira anuência prévia para a transferência do controle societário da Centrais Elétricas do Pará (Celpa) para a Equatorial. A empresa pertencia ao Grupo Rede e entrou em recuperação judicial em fevereiro devido a um grande volume de dívidas.

ANNE WARTH, Agencia Estado

30 Outubro 2012 | 12h30

Segundo o diretor da Aneel Romeu Rufino, relator da proposta, a Equatorial terá de fazer um aporte de, no mínimo, R$ 700 milhões à Celpa, em uma ou mais parcelas, em um prazo estimado de até dois anos. O primeiro aporte, de no mínimo R$ 350 milhões, deverá ser realizado ainda neste ano. Com a decisão, a Equatorial passa a ter 61,37% do capital da Celpa. A Eletrobras continua com 34,24%, e os demais sócios permanecem com 4,39%.

Mais conteúdo sobre:
AneelreuniãoCelpaEquatorial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.