Estoque pequeno de animais confinados mantém preços em alta

São Paulo, 19 - O preço mínimo pago no interior paulista pela arroba de boi já é R$ 63,00, de acordo com dados do Cepea, em praças como Araçatuba e Presidente Prudente. Em Bauru e São José do Rio Preto, a arroba sai a R$ 62,44 no mínimo. No máximo, a arroba é negociada até a R$ 63,50 à prazo. Ontem, o Indicador Esalq fechou a R$ 63,06 à prazo, revelando que a tendência de alta continua. O estoque de animais confinados é pequeno - de menos de 20% do total - e a tendência é de que a alta continue cada vez mais expressiva a partir de agora. Para Geide Figueiredo, da FNP Consultoria, o mercado deve ficar um pouco mais calmo nesta segunda quinzena de novembro mas deve registrar uma alta gradual e constante nos próximos meses. O pequeno volume de animais disponíveis faz com que as escalas se reduzam. Grandes frigoríficos exportadores estão tendo dificuldades em conseguir animais e a maioria conseguiu fechar o mês de novembro mas estão aumentando os preços pagos para comprar bois para dezembro. A menor oferta de carne por parte dos frigoríficos já se reflete nos preços do atacado que estão mais sustentados no atual patamar, apesar do consumo tradicionalmente mais fraco na segunda quinzena do mês. O traseiro sai por R$ 4,60 e o dianteiro a R$ 2,80 por quilo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.