EUA estão diante de ‘mundo perigoso e incerto’, diz Geithner

Secretário do Tesouro dos EUA citou preocupações com o alto preço do petróleo e com a disputa em relação ao programa nuclear iraniano

Agência Estado,

15 de março de 2012 | 20h28

WASHINGTON - O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Timothy Geithner, comentou hoje que alguns aspectos da recuperação econômica norte-americana têm sido encorajadores, mas o país continua diante de um "mundo perigoso e incerto", marcado pelo alto preço do petróleo e pela disputa em relação ao programa nuclear iraniano.

"Os americanos estão sentindo os efeitos da elevação do preço dos combustíveis. Não existem meios rápidos e fáceis de se corrigir este problema, mas ele reforça a necessidade de mais progresso no desenvolvimento de fontes adicionais de energia em todas as suas formas", declarou Geithner em fala preparada para um jantar do Clube Econômico de Nova York. O preço dos combustíveis já subiu 11% nos Estados Unidos desde novembro do ano passado.

No jantar, Geithner também aproveitou para fazer campanha em favor do presidente Barack Obama. Ele enfatizou aos presentes que o país estará diante de "escolhas políticas e econômicas fundamentais" nas eleições presidenciais marcadas para novembro nos Estados Unidos.

As informações são da Dow Jones. (Ricardo Gozzi)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.