Eurofarma compra laboratório Segmenta,avança no setor hospitalar

O grupo farmacêutico Eurofarma anunciou nesta sexta-feira a aquisição do laboratório Segmenta, voltado ao segmento hospitalar, dando origem a uma empresa consolidada com potencial para gerar faturamento de 500 milhões de reais em 2011.

REUTERS

10 de dezembro de 2010 | 09h34

O valor do negócio, que criará "uma das maiores indústrias nacionais no segmento de fornecimento de produtos para hospitais", segundo a Eurofarma, não foi informado pela companhia.

"O objetivo da Eurofarma Segmenta é tornar-se líder no segmento hospitalar, oferecendo aos clientes uma linha completa. Este é um dos mercados com maior potencial de crescimento no Brasil", afirma a diretora de sustentabilidade e novos negócios da Eurofarma, Maria Del Pilar Muñoz, em nota.

A empresa acrescentou ainda que tem planos de avançar para outros países da América Latina.

Esta é a primeira aquisição da Eurofarma no Brasil. No início de junho, a companhia comprou o laboratório uruguaio Gautier, que atua nas áreas de psiquiatria, neurologia, cardiologia e medicina geral.

Menos de um ano antes, em agosto de 2009, a empresa adquiriu a argentina Quesada Farmacêutica, buscando "alcançar uma posição entre as três maiores indústrias farmacêuticas do Brasil e estar presente em 90 por cento do mercado latino americano até 2015".

A união da unidade de negócio hospitalar da Eurofarma ao laboratório Segmenta, que ocupa liderança em soluções parenterais de grande volume (SPGV), deve resultar em vendas consolidadas de 500 milhões de reais em 2011, quando a empresa combinada começará a operar. O montante representa incremento de 20 por cento sobre as vendas atuais de ambas companhias.

Os produtos a serem comercializados pela Eurofarma Segmenta incluem antibióticos, anticoagulantes, anestésicos e SPGV, além de sistemas de infusão e drogas diluídas.

(Por Vivian Pereira)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASEUROFARMASEGMENTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.