ESTADAO CONTEUDO
ESTADAO CONTEUDO

Executivo brasileiro presidirá júri em Cannes

Organização do festival de criatividade, queacontece em junho,divulgou os primeiros líderes da edição 2018

Impresso

29 de janeiro de 2018 | 05h00

O Brasil estará representado entre os presidentes de júri do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade de 2018. O chefe global de marketing da rede de fast-food Burger King, Fernando Machado, vai liderar o julgamento das peças de Creative Effectiveness. A categoria, que escolhe as peças publicitárias que trouxeram mais retorno para os clientes, é considerada uma das mais importantes do evento. O Estadão é o representante oficial de Cannes Lions no País.

A escolha de Machado para o cargo tem razão de ser. Ele foi responsável pela aprovação da campanha McWhopper – em que o Burger King convidou o McDonald’s para um ação conjunta, em 2015 – e também foi um dos “pais” de Retratos da Beleza Real, um dos ícones da marca Dove. Antes de ingressar na rede Burger King, Machado teve longa carreira na Unilever. Nas duas campanhas, Machado trabalhou em parceria com o publicitário Anselmo Ramos.

Ao Estado, Fernando Machado afirmou que, como presidente de júri, tem a intenção de “demonstrar que a criatividade é um fator decisivo para o sucesso dos negócios e o crescimento de marcas”.

Os presidentes de júri escolhidos vão liderar a escolha dos premiados em um momento de reinvenção para o festival Cannes Lions. No fim de 2017, foram anunciadas mudanças tanto nas premiações quanto na estrutura do festival. O evento ficou mais enxuto e, em 2018, vai se concentrar em cinco dias, entre 18 e 22 de junho.

Mais categorias. Outras 13 categorias já tiveram seus presidentes definidos. Na área de comunicações, os escolhidos foram David Lubars, executivo chefe de criação da BBDO (Film Lions); Jo McCrostie, diretora de criação da Global (Radio & Audio Lions); Kate Stanners, presidente e chefe de criação global da Saatchi & Saatchi (Print & Publishing Lions); Chris Garbutt, executivo-chefe de criação da TBWA (Outdoor Lions); Johnny Tan, diretor executivo da 72andSunny (Design Lions); Jay Morgan, diretor de inovação da The Monkeys (Mobile Lions); Colleen DeCourcy, chefe de criação, Wieden+Kennedy (Titanium Lions).

No segmento da premiação definido como “good”, em que são premiadas campanhas que tenham algum impacto positivo para o mundo, os presidentes de júri serão: Mark Tutssel, executivo chefe de criação global da Leo Burnett Worldwide e presidente de criação da Publicis (Sustainable Development Goals); e Madonna Badger, fundadora e chefe de criação da Badger & Winters (Glass: The Lion for Change).

No setor de entretenimento, os presidentes escolhidos foram Debbi Vandeven, executiva chefe de criação global da VML (Entertainment Lions) e Lori Feldman, vice-presidente executiva de marketing estratégico da Warner Bros. (Entertainment Lions for Music).

Nas categorias relacionadas ao festival Lions Health (voltado à comunicação no setor de saúde), os escolhidos foram: R. John Fidelino, diretor executivo de criação da Interbrand Health (Health & Wellness Lions) e Rich Levy, chefe de criação da FCB Health (Pharma Lions).

Tudo o que sabemos sobre:
publicidadeCannes LionsBurger King

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.