Executivos da Oi farão road show para atrair investidor

Após a assembleia da Oi prevista para esta quinta-feira, 27, os executivos da empresa começarão a preparar um "road show" para apresentar o projeto da nova companhia a potenciais investidores. O jornal O Estado de S. Paulo apurou que devem ser visitados países como Estados Unidos, Chile, Canadá, a França e a Alemanha, num período de 15 dias. Mas o Brasil também está nos planos da empresa. O objetivo é atrair investidores para participarem do aumento de capital da companhia.

MARIANA SALLOWICZ, Agencia Estado

27 de março de 2014 | 09h53

O presidente da Oi, Zeinal Bava, é conhecido pelo trânsito que possui com os principais bancos de investimentos do mundo, o que ajudará nesse processo. Dos quase R$ 14 bilhões do aumento de capital, R$ 5,8 bilhões virão de ativos da Portugal Telecom, R$ 2 bilhões, de um fundo do BTG Pactual e de acionistas da Telemar Participações e R$ 6 bilhões, do mercado.

A previsão é de que a oferta seja precificada em 16 de abril e a liquidação financeira ocorra no dia 23. No "road show", a intenção é vender a proposta de futuro da nova empresa e como ela irá se posicionar no mercado. Os encontros serão curtos, com a previsão de se explorar os principais pontos da nova empresa. Colaborou Beth Moreira. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
OiPortugal Telecomroad show

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.