Exportação de café do Brasil deve cair 4% em 2008, diz Cecafé

O Brasil, maior produtor e exportadorde café, deverá exportar 27 milhões de sacas de 60 kg nesteano, o que representaria uma queda de 4 por cento ante as maisde 28 milhões de sacas vendidas no exterior em 2007, previunesta quarta-feira o Conselho dos Exportadores de Café doBrasil (Cecafé). A queda nas exportações ocorreria apesar de um esperadoaumento na produção do Brasil na safra 2008/09, disse o diretorgeral do Cecafé, Guilherme Braga. Embora o governo brasileiro espere um aumento de quase 30por cento na safra, no ano de alta no ciclo de produção dacultura, acreditava-se que a produção poderia ser ainda maior,antes de uma seca atingir as lavouras entre julho e outubro doano passado. "A provável diminuição das vendas externas (em 2008) estárelacionada à menor safra e com o comportamento positivo doconsumo interno, estimado entre 17 e 18 milhões de sacas",afirmou Braga em um comunicado. A safra 2008/09 vai começar a ser colhida nos próximosmeses. O Brasil é o segundo consumidor mundial de café, depois dosEstados Unidos, e o consumo doméstico tem crescidoconstantemente nos últimos anos, com o setor cafeicultorinvestindo na melhora da qualidade e também com o aumento darenda da população. 2007 As exportações de café verde do Brasil totalizaram 24,71milhões de sacas (60 kg) em 2007, leve alta em relação aovolume embarcado em 2006, de 24,39 milhões de sacas, informou oCecafé. Deste total, as vendas de café arábica foram responsáveispor 23,32 milhões de sacas, 1,2 por cento acima do volumeexportado em 2006, enquanto os embarques de robustacontabilizaram 1,39 milhões de sacas, aumento de 2,2 por cento. A entidade informou ainda que as exportações de café verdeem dezembro atingiram 2,06 milhões de sacas, uma queda de 16por cento na comparação com o mesmo mês de 2006. Desse total,2,01 milhões de sacas foram de arábica, ante 2,36 milhões há umano. As exportações de robusta caíram 47 por cento em dezembro,para 49.818 sacas ante 94.500 há um ano. A receita das exportações de café em 2007 subiu 17 porcento no ano, para aproximadamente 3,86 bilhões de dólares. (Por Reese Ewing)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.