Exxon e dados econômicos derrubam Dow e S&P

As bolsas norte-americanas fecharamem queda nesta quinta-feira, puxadas pela Exxon Mobil após seusresultados saírem abaixo do esperado pelo mercado e dadoseconômicos frustrantes revivendo os temores de uma recessão. O índice Dow Jones teve baixa de 1,78 por cento, a 11.378pontos. O Standard & Poor's 500 caiu 1,31 por cento, a 1.267pontos. O Nasdaq recuou 0,18 por cento, a 2.325 pontos. Mesmo com o declínio desta sessão, o Dow e o Nasdaqfecharam o mês em alta, ajudados pelo pior mês para o petróleodesde dezembro 2004. O S&P 500 fechou o mês com baixa de 1 porcento. A queda dos lucros da Exxon Mobil, junto com um recuou de 2por cento dos preços do petróleo, derrubaram as ações dagigante petrolífera, que perderam 5 por cento. Um índice deações energética caiu 2,7 por cento. Relatórios do governo mostrando um crescimento no segundotrimestre abaixo do esperado e um avanço no número denorte-americanos pedindo o auxílio desemprego deteriorou osentimento do mercado e deixou os investidores incertos sobre orelatório sobre o emprego de julho em sexta-feira. "Os investidores estão no limite", afirmou Alan Lancz,presidente da Alan B. Lancz & Associates. "Os números destamanhã foram frustrantes. O desemprego é um problema."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.