Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Fabricante do BlackBerry cortará dois mil empregos

A Research In Motion (RIM), fabricante do BlackBerry, reduzirá sua força de trabalho em duas mil vagas, para 17 mil funcionários, à medida que luta para lidar com a queda da demanda por sua antiga linha de smartphones.

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

25 de julho de 2011 | 11h29

A RIM, que perdeu terreno para empresas rivais, como a Apple e o Google, reduziu suas previsões de lucros em junho e alertou que iniciará o corte de empregos.

Num comunicado divulgado hoje, a RIM afirmou que o tamanho da redução da força de trabalho está em linha com a estimativa preliminar que a companhia anunciou no mês passado.

A companhia prevê um lucro no ano fiscal cheio de US$ 5,25 a US$ 6 por ação, bem abaixo de sua previsão original de um lucro de US$ 7,50 por ação.

A RIM também anunciou a saída de outro executivo. O diretor operacional, Don Morrison, que está em licença médica desde meados de junho por razões não reveladas, se aposentará depois de mais de 10 anos na companhia.

A RIM registrou uma série de saídas de executivos de alto perfil, coincidindo com um dos períodos mais desafiadores da companhia. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.