Faturamento da indústria de máquinas no Brasil desaba 20,3% em julho, diz Abimaq

O faturamento bruto da indústria de máquinas no Brasil recuou 20,3 por cento em julho ante mesmo mês de 2013, a 5,746 bilhões de reais, apesar do aumento das exportações, informou a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) nesta quarta-feira.

REUTERS

27 de agosto de 2014 | 13h51

Nos primeiros sete meses do ano, a queda acumulada é de 14,5 por cento na comparação com o mesmo período do ano passado, a 40,683 bilhões de reais, informou a entidade.

Segundo a Abimaq, o consumo aparente de máquinas no país teve queda de 22,4 por cento em julho, também na comparação anual.

As exportação do setor tiveram alta de 10,3 por cento ante julho de 2013, a 1,2 bilhão de dólares. No acumulado do ano, os embarques para o exterior avançaram 18,2 por cento, para 7,857 bilhões de dólares.

Na outra mão, as importações do setor caíram 10,6 por cento em julho, a 2,552 bilhões de dólares. No ano até julho, as importações recuaram 9,7 por cento, para 17,2 bilhões de dólares.

(Por Gustavo Bonato)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASABIMAQJULHO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.