Ferroanel em SP poderá desafogar CPTM, diz Passos

O projeto faz parte do pacote de logística anunciado pelo governo na semana e a intenção do ministério é de que as obras do tramo Norte comecem já em 2013

Eduardo Rodrigues, da Agência Estado,

23 de agosto de 2012 | 09h09

O ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, avaliou nesta quinta-feira que a concessão do ferroanel de São Paulo poderá desafogar o transporte de passageiros pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). O projeto faz parte do pacote de logística anunciado pelo governo na semana e a intenção do ministério é de que as obras do tramo Norte comecem já em 2013.

"Os estudos estão bastante adiantados e imaginamos que o ferroanel paulista poderá ser um dos primeiros projetos a serem executados", disse Passos durante o programa de rádio Bom Dia Ministro, na Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

"Com isso, acreditamos que a CPTM poderá avançar na qualidade do serviço de passageiros, sem a disputa de espaço pela mesma linha com o transporte de cargas", completou. Segundo ele, o tramo Norte deve começar a ser feito antes do tramo Sul, e ambos os trechos serão construídos em paralelo ao rodoanel.

Tudo o que sabemos sobre:
Bom Dia MinistroPassos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.