Fibria registra prejuízo de R$ 1,1 bi no 3º trimestre

A fabricante de celulose Fibria encerrou o terceiro trimestre de 2011 com prejuízo de R$ 1,114 bilhão, revertendo lucro de R$ 303 milhões no mesmo período de 2010. A empresa explica, em relatório divulgado hoje, que o resultado se deve "ao efeito da valorização do dólar no resultado financeiro, efeito este majoritariamente contábil."

LUANA PAVANI, Agencia Estado

26 de outubro de 2011 | 08h40

A companhia anotou Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortizações) de R$ 476 milhões, ajustado por itens não recorrentes, sem impacto caixa, cifra que é 34% menor do que os R$ 717 milhões do terceiro trimestre de 2010. A receita líquida da companhia ficou em R$ 1,449 bilhão no período, queda de 8% ante o terceiro trimestre do ano passado.

O resultado financeiro líquido encerrou o intervalo de julho a setembro negativo em R$ 2,015 bilhões, incluindo resultado de aplicações financeiras, variações monetárias e cambiais, marcação a mercado de instrumentos derivativos e apurações de juros. No terceiro trimestre de 2010 esse número era positivo, em R$ 248 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
Fibriabalançolucro2011

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.