Fitch eleva perspectiva de nota da Braskem para estável e reafirma rating 'BBB-'

A agência de classificação de risco Fitch revisou nesta sexta-feira a perspectiva do rating da Braskem para estável, de negativa, e reiterou a nota "BBB-" da petroquímica brasileira.

REUTERS

03 de outubro de 2014 | 14h28

A Fitch afirmou, em comunicado, que a mudança reflete a visão de que o perfil de crédito da Braskem se fortalecerá a médio prazo, como resultado de uma tendência de recuperação do fluxo de caixa.

Segundo a Fitch, isso deverá ocorrer pela expectativa de redução dos aportes no Projeto Etileno XXI, no México, além de desoneração fiscal no médio prazo, melhores spreads na indústria petroquímica e depreciação do real.

"A revisão da perspectiva também reflete o forte compromisso da Braskem com a manutenção de um perfil financeiro robusto e com o gerenciamento cuidadoso de sua estratégia de crescimento, a fim de evitar a pressão sobre a sua estrutura de capital", disse a agência.

O rating nacional de longo prazo da maior petroquímica das Américas também foi reafirmado em "AA+(bra)".

(Por Marcela Ayres)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASBRASKEMPERSPECTIVA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.