Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Foco do BB na área dental é planos a R$ 9,90

Atualmente, 13,2 milhões de brasileiros têm plano odontológico, o que equivale a 7% da população do País

Altamiro Silva Júnior, da Agência Estado,

19 de agosto de 2010 | 16h28

A área de planos odontológicos é que tem maior potencial de crescimento nos próximos anos dentro do setor de seguros, prevê o Banco do Brasil. "Há uma enorme classe emergente que começou a consumir e também busca maior proteção", disse o diretor de novos negócios do BB, Paulo Rogério Caffarelli. O produto dental deve ter custo mensal de R$ 9,90 e ser vendido nas agências do banco.

Atualmente, 13,2 milhões de brasileiros têm um plano odontológico, o que equivale a 7% da população do País. Para mostrar o potencial desse mercado, Caffarelli cita dados dos Estados Unidos. Lá, 175 milhões de pessoas possuem um plano desse tipo, cerca de 70% da população.

No Brasil, a venda de planos dentais vem crescendo 19% ao ano desde 2002. Vários seguradoras resolveram apostar na área. O Bradesco criou a Bradesco Dental em 2008 para atuar no segmento. "O potencial ainda é muito grande nas classes C e D", disse o presidente da Bradesco Seguros e Previdência, Marco Antonio Rossi. "A Odontoprev terá os dois maiores canais de distribuição do País, as agências do Bradesco e do Banco do Brasil."

Outra empresa a entrar no segmento foi a MetLife, que comprou em 2008 a Odonto A. A SulAmérica, que comprou a seguradora de saúde do BB, também passou a apostar nos planos odontológicos.

Por conta dessa perspectiva de crescimento, o BB resolveu sair da área de planos de saúde, que tem crescimento mais modesto, e se focar na odontológica. Antes de fechar o acordo anunciado hoje com a Odontoprev, a maior do setor, o BB avaliou 11 grandes empresas de planos odontológicos, conta Caffarelli.

O BB e a Odontoprev criaram a BB Dental, que será a empresa que vai comercializar os planos na rede de atendimento do banco. O nome ainda é provisório, segundo Caffarelli. A receita com a venda dos planos será dividida entre os dois sócios de acordo com a participação que têm na empresa. O BB fica com 75% e o restante com a OdontoPrev.

A parceria com o BB tem condições de trazer 3,5 milhões de novos clientes para a Odontoprev em 5 anos. Com isso, a empresa pode dobrar sua base de clientes, hoje de 4,4 milhões de pessoas, destaca o presidente da companhia, Randal Zanetti.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.