Frio antecipa maturação de citros no Rio Grande do Sul

Porto Alegre, 26 - Os dias frios registrados em maio no Rio Grande do Sul anteciparam a maturação dos citros, segundo o assistente técnico adjunto da Emater Paulo Lipp João. O Estado cultiva cerca de 41 mil hectares de citros, principalmente no Vale do Caí, a 50 quilômetros da capital, e no Alto Uruguai. As frutas apresentam boa qualidade e apenas algumas variedades sofreram com as geadas do outono.Os produtores do Vale do Caí esperam repetir este ano as boas vendas de bergamotas (tangerinas) da variedade montenegrina para São Paulo. Em 2006, foram vendidas 900 toneladas pela Associação Montenegrina de Fruticultores. A variedade será colhida a partir de agosto.No Rio Grande do Sul, são cultivados 27 mil hectares de laranjas, 13 mil hectares de tangerinas e mil hectares de limões. A oferta de tangerina está estável e o desafio dos produtores é abrir novos mercados, conforme a Emater, já que o consumidor local está abastecido pela fruta gaúcha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.