Fundo de pensão chinês irá elevar investimento no exterior

Conselho Nacional para o Fundo de Previdência Social planeja dobrar o valor do fundo, para US$ 220 bilhões até 2015

Ligia Sanchez, da Agência Estado,

30 de julho de 2010 | 12h27

O fundo nacional de pensão da China elevará seu investimento no exterior, principalmente em Hong Kong, e fortalecerá seus investimentos em ações de algumas indústrias nos próximos cinco anos, de acordo com o chairman do fundo, Dai Xianglong, citado pela rádio estatal. O Conselho Nacional para o Fundo de Previdência Social planeja dobrar o valor do fundo, para 1,5 trilhão de yuans (US$ 220 bilhões) até 2015.

Segundo a rádio, Dai afirmou que o conselho reduzirá os investimentos em produtos de renda fixa, mas não forneceu mais detalhes. O fundo também planeja abrir uma sucursal em Hong Kong no futuro.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaaçõesinvestimentopensão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.