Globex registra prejuízo de R$ 7,4 mi no 2º trimestre

No mesmo período do ano passado, a controladora da Casas Bahia e Ponto Frio havia registrado lucro de R$ 36 milhões

Rodrigo Petry, da Agência Estado,

26 de julho de 2011 | 08h02

A Globex, controladora das redes varejistas Casas Bahia e Ponto Frio, registrou um prejuízo líquido consolidado de R$ 7,4 milhões no segundo trimestre deste ano, revertendo lucro líquido de R$ 36 milhões obtido no mesmo período do ano passado. A geração de caixa, medida pelo Ebitda (ganho antes de juros, impostos, depreciação e amortização), somou R$ 222,1 milhões, alta de 530%. A margem Ebitda encerrou o segundo trimestre em 4,4%, frente a 2,6% do mesmo período do ano passado (alta de 1,8 ponto porcentual).

Já a receita líquida atingiu R$ 5,041 bilhões, representando um crescimento de 277%. Os dados consolidados não consideram o resultado da Casas Bahia no segundo trimestre de 2010, prejudicando a base de comparação.

Em relação ao primeiro trimestre deste ano, período que inclui os resultados da Casas Bahia, o prejuízo líquido reduziu-se 69,3%, em comparação ao prejuízo de R$ 24,2 milhões dos três primeiros meses de 2011. Já a geração de caixa avançou 38,2% na comparação entre o primeiro e o segundo trimestres deste ano, com um incremento no período de 1,1 ponto porcentual na margem Ebitda.

A receita líquida de vendas no segundo trimestre avançou 3,2% frente ao primeiro trimestre, com margem bruta de 28,1% (alta de 1,3 ponto porcentual). O resultado financeiro líquido do segundo trimestre foi negativo em R$ 169,7 milhões, crescendo 3,4% em comparação ao primeiro trimestre. A empresa encerrou o segundo trimestre com 989 lojas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.