GM e unidade Opel têm recursos até abril, diz governo alemão

A montadora alemã Opel e sua controladora norte-americana General Motors têm, aos olhos do governo alemão, financiamento suficiente até abril, informou nesta quarta-feira uma assessora do ministério da Economia.

REUTERS

18 de março de 2009 | 09h30

"O que é positivo é que o dinheiro ainda está lá para eles prosseguirem", disse Dagmar Woehrl a jornalistas em Berlim.

Woehrl acrescentou que a visita do ministro da Economia, Karl-Theodor zu Guttenberg, aos Estados Unidos esta semana promoveu avanços na questão da Opel. Ela afirmou, porém, que algumas questões permanecem em aberto.

A Alemanha está aberta à possibilidade de ajudar a Opel mas informou que previsa ter certeza que nenhum apoio estatal acabará indo para a GM, que está buscando mais recursos do governo dos EUA para sobreviver. A Opel também tem informado que precisa de apoio financeiro para continuar operando.

(Por Gernot Heller)

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSGMOPELRECURSOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.