Stan Honda/AFP
Stan Honda/AFP

GM tem queda de quase 40% no lucro líquido no quarto trimestre de 2021

Em todo o ano de 2021, a empresa teve receita líquida de US$ 10 bilhões; montadora enfrentou falta de componentes no ano passado

Gabriel Bueno da Costa, O Estado de S.Paulo

01 de fevereiro de 2022 | 19h14

A General Motors registrou lucro líquido de US$ 1,741 bilhão, no quarto trimestre de 2021. O resultado representa uma queda de 39%, ante os US$ 2,846 bilhões de igual período do ano anterior. O lucro líquido por ação ficou em US$ 1,16 e o lucro líquido por ação ajustado, em US$ 1,35, ante previsão de US$ 1,16 dos analistas dos analistas ouvidos pelo FactSet. Após o balanço, a ação da empresa recuava 1,43% no after hours em Nova York, às 18h15 (de Brasília).

A receita da GM foi de US$ 33,6 bilhões no quarto trimestre de 2021. O resultado também representa uma queda, ante os US$ 37,5 bilhões de igual intervalo de 2020.

Em todo o ano de 2021, a empresa teve receita líquida de US$ 10 bilhões. Em seu comunicado, ela destaca que este número e outros do ano passado, como o lucro líquido por ação ajustado, foram recordes para a montadora americana.

No ano passado, a GM, assim como todas as montadoras, enfrentou problemas na cadeia de fornecimento devido à escassez global de semicondutores. No Brasil, a crise impediu a produção de cerca de 300 mil veículos. As vendas de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus somaram 2,1 milhões de unidades em 2021, 3% acima do resultado do ano anterior.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.