Goldman Sachs venderá participação em seguradora

O Goldman Sachs concordou em vender sua participação majoritária na unidade de previdência privada no Reino Unido, a seguradora Rothesay Life, para uma série de grupos de investimento num esforço para se adaptar às regras mais rígidas de capital bancário.

Agencia Estado

22 de outubro de 2013 | 15h56

Em agosto, o Goldman Sachs informou que provavelmente venderia uma parcela majoritária na unidade britânica de seguros num horizonte de 12 meses. A Rothesay Life foi fundada pelo banco de investimentos em 2007 para se concentrar no mercado de aposentadorias do Reino Unido, e em junho deste ano o negócio tinha quase US$ 10 bilhões em ativos sob gestão.

Fundos administrados pela Blackstone e o fundo soberano de Cingapura irão adquirir 28,5% cada, e o Massachusetts Mutual Life Insurance ficará com uma parcela de 7% do negócio. O Goldman Sachs manterá uma participação de 36% e continuará sendo o acionista majoritário da Rothesay. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Goldman SachsRothesay Life

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.