Governo de MG vai investir R$ 414,7 mil em pólo leiteiro

Belo Horizonte 17 - O governo de Minas Gerais lançou ontem, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, o Pólo de Excelência de Leite e Derivados, durante a abertura do 24º Congresso Nacional de Laticínios. O governador em exercício, Antônio Anastasia, autorizou investimento de R$ 414,7 mil para a implantação do pólo, que vai articular a integração entre instituições de ensino e pesquisa, empresas privadas e o governo estadual. Anastasia também anunciou um aumento de R$ 8 milhões no orçamento da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), destinados à pesquisa.O pólo vai possibilitar que novas tecnologias desenvolvidas nos centros de pesquisa sejam transferidas para as empresas. "O nosso objetivo é constituir um pólo produtivo que dê condições para que o pequeno e médio produtor possa agregar valor ao leite, para que não exporte o produto in natura para outros estados", afirmou Anastasia.O Pólo de Excelência de Leite é o segundo pólo implantado no Estado. O primeiro foi o Pólo de Café, em Três Pontas, no sul de Minas, lançado em junho. Minas Gerais responde por 29% da produção brasileira de leite, com cerca de 7,2 bilhões de litros por ano, e movimento R$ 14,5 bilhões anualmente. Cerca de 70% dos produtores têm uma produção inferior a 100 litros por dia.

Carlos Eduardo Cherem

17 de julho de 2007 | 15h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.