Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Grécia precisa reformar sistema de pensões, diz primeiro-ministro

Mudanças no sistema de seguridade social grego devem ser realizadas até início do próximo ano, antes das negociações com os credores internacionais

Gustavo Nicoletta, da Agência Estado,

21 de dezembro de 2011 | 16h52

ATENAS - O primeiro-ministro da Grécia, Lucas Papademos, disse nesta quarta-feira, 21, que o país precisa avançar com as reformas no sistema de pensão até meados de janeiro, antes de os credores internacionais voltarem para a mesa de negociação com o governo.

"Eu gostaria de destacar que nas próximas semanas precisamos avançar com reformas estruturais e preparar um programa econômico confiável para termos negociações eficientes com a troica", disse Papademos durante sua reunião de gabinete, referindo-se às discussões que terá no mês que vem com representantes do Fundo Monetário Internacional (FMI), do Banco Central Europeu (BCE) e da Comissão Europeia.

As reformas no sistema de seguridade social da Grécia terão como objetivo reduzir os déficits anuais de € 900 milhões por meio de fundos de pensão suplementares e por uma redução de 15% no dinheiro distribuído aos beneficiários.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
GRECIASISTEMAPENSÕES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.