Grupo M. Dias Branco terá novo presidente em maio

O maior grupo da América Latina de alimentos, o brasileiro M. Dias Branco terá novo presidente a partir de 9 de maio de 1914. Dentro de uma sucessão familiar, Ivens Dias Branco passa a presidência para o filho Ivens Dias Branco Júnior, que hoje ocupa a vice-presidência industrial. Com 60 anos no M. Dias Branco e 79 anos de idade, Ivens (pai) passa para a presidência do Conselho Administrativo. Presidente do Grupo há 41 anos, Ivens alcançou a liderança continental do ramo de massas alimentícias com a aquisição do Grupo Adria.

LAURIBERTO BRAGA, Agencia Estado

30 Julho 2013 | 12h45

Hoje, o M. Dias Branco tem 14 fábricas e 13 distribuidoras. O grupo atua nos segmentos de trigo, snacks, bolos, refino de óleo, gorduras, margarinas, cremes vegetais, biscoitos, bolachas, massas finas e massas populares e planeja entrar no mercado de chocolates e barras de cereais.

O novo presidente, Ivens Júnior entrou no Grupo em 1976. Já em 1981 se tornava acionista e assumia a Diretoria Industrial. Ivens Júnior tem o desafio de expandir mais ainda o M. Dias Branco e manter a liderança continental da empresa que foi fundada pelo seu avô, Manoel Dias Branco.

O Grupo divulgou ontem, 29, que em 2012 seu valor no mercado ultrapassou R$ 10 bilhões. Já no segundo trimestre de 2013, o M. Dias Branco lucrou R$ 142,7 milhões, registrando um crescimento de 22,5% em relação ao segundo trimestre de 2012. A receita líquida do grupo neste período obteve R$ 1 bilhão em movimentação. No primeiro semestre de 2013, o grupo investiu R$ 143,7 milhões em expansão. No balanço semestral há a indicação de construção de mais três unidades fabris de moagem, sendo uma no Sul e duas no Nordeste.

Mais conteúdo sobre:
MDias Branconovo presidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.