Hawker Beechcraft prepara pedido de concordata, dizem fontes

A Hawker Beechcraft, fabricante de aeronaves controlada pelo braço de private equity do Goldman Sachs e pela Onex, está preparando um pedido de concordata, disseram fontes próximas ao assunto.

SOYOUNG KIM E ANDREA SHALAL-ESA, REUTERS

28 de março de 2012 | 18h04

A Hawker contestou na Justiça dos Estados Unidos a decisão que concedeu a licitação de compra de aeronaves da Embraer.

A empresa, que foi comprada em 2007 por 3,3 bilhões de dólares pelas empresas de private equity, está negociando uma concordata pré-estabelecida com seus maiores credores, grupo que inclui a Centerbridge Partners, Angelo Gordon e Capital Research & Management, disseram as fontes.

A Centerbridge, uma empresa de investimentos sediada em Nova York com foco em aquisições alavancadas e em ativos de risco elevado, é o maior credor, disseram as fontes.

A Hawker e a Onex se recusaram a comentar. O Goldman Sachs e os credores não puderam ser imediatamente contatados.

Esses credores provavelmente forneceriam financiamento "debtor-in-possession" (na sigla em inglês, DIP, uma linha de crédito para empresa concordatais) para permitir à Hawker continuar a operar sob concordata, disseram as fontes.

Uma das fontes disse que o financiamento deve ser de menos de 500 milhões de dólares, mas alertou que o número não é final e pode ser alterado.

O Goldman Sachs Capital Partners, fundo de private equity do banco, e a maior empresa de aquisições do Canadá, a Onex, compraram a Raytheon Aircraft da Raytheon no início de 2007, no ápice do boom das aquisições, e renomearam-na Hawker Beechcraft.

A Hawker disse na terça-feira que chegou a um acordo com credores que providenciará à empresa um empréstimo de 120 milhões de dólares e adiará as obrigações da empresa para garantir pagamentos de juros.

O acordo, que deve expirar no final de junho, dará tempo à Hawker para finalizar os detalhes de uma concordata pré-estabelecida com seus principais credores, disseram as fontes.

Tudo o que sabemos sobre:
AEREASHAWKERBEECHCRAFTCONCORDATA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.