HP substitui quatro diretores; ações caem

Empresa tem promovido mudanças radicais depois da saída de seu ex-presidente-executivo, Mark Hurd

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

21 de janeiro de 2011 | 10h14

A Hewlett-Packard (HP) anunciou na quinta-feira, 21, a substituição de quatro membros do seu conselho de diretores e a inclusão de um quinto diretor, como parte de mudanças radicais promovidas pela empresa menos de seis meses depois da saída de seu ex-presidente-executivo, Mark Hurd. Às 10h (de Brasília), as ações da HP recuavam 0,09% no pré-mercado em Nova York.

A empresa disse que quatro de seus diretores, Joel Hyatt, John Joyce, Robert Ryan e Lucille Salhany, estariam deixando suas posições na maior fabricante computadores do mundo. E o chairman da HP, Ray Lane, disse em entrevista ao The Wall Street Journal que renunciou voluntariamente.

O abalo vem depois da saída dramática de Hurd em agosto em meio a perguntas sobre sua conduta pessoal. Ele foi contratado um mês depois pela concorrente Oracle, para consternação da liderança da HP, que o processou e pediu à Justiça para que bloqueasse a sua admissão na Oracle, alegando que a contratação do executivo pela empresa rival de tecnologia colocava os segredos comerciais da HP em perigo.

Hurd renunciou ao cargo em meio a uma investigação de assédio sexual que virou um problema ético. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
HPdiretoriamudançasações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.