Hypermarcas compra Mantecorp por R$2,5 bilhões

A empresa de bens de consumo Hypermarcas reforçou sua presença no setor de medicamentos com o anúncio da compra do laboratório Mantecorp por 2,5 bilhões de reais em dinheiro e ações.

REUTERS

20 de dezembro de 2010 | 08h27

A companhia anunciou no final do domingo a aquisição. Com a operação, a empresa soma mais de 4 bilhões de reais investidos em novos ativos e marcas estratégicas em 2010.

A compra da Mantecorp eleva a posição da Hypermarcas no Brasil de segundo para maior grupo nacional de medicamentos. A operação também faz a empresa crescer da quinta para a segunda posição no ranking geral da indústria farmacêutica.

A Hypermarcas vai pagar 600 milhões de reais à vista pela Mantecorp, dona de medicamentos como Polaramine, Quadriderm e Coristina. Além disso, a empresa emitirá cerca de 1,9 bilhão de novas ações, tornando a Mantecorp subsidiária integral.

A empresa emitirá 78.013.947 ações para comprar 76,23 por cento da Mantecorp e os 23,77 por cento restantes serão comprados pelos 600 milhões de reais.

Com a aquisição da Mantecorp, a Hypermarcas ingressa no mercado de dermocosméticos com produtos na área de proteção solar e hidratante. A empresa, que em cerca de 9 anos de operação contabiliza mais de 30 aquisições, torna-se também principal fornecedor para farmácias do país.

Em 2010, a Mantecorp contabiliza receita líquida de 572 milhões de reais, com margem bruta de 65 por cento.

A Hypermarcas afirma que enxerga "múltiplas sinergias operacionais em várias frentes", mas não informou de imediato o valor das economias que pretende obter com a aquisição.

Em novembro, o grupo de bens de consumo anunciou três aquisições, totalizando 251,5 milhões de reais.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASHYPERMARCASMANTECORP*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.