Impostômetro chega amanhã à marca de R$ 1,3 trilhão

Faltando mais de um mês para o fim do ano, brasileiros já entregaram ao governo o total do que foi pago em 2010

Agência Estado,

22 de novembro de 2011 | 14h57

O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) chegará nesta quarta-feira, 23, por volta das 15 horas, à marca de R$ 1,3 trilhão em tributos federais, estaduais e municipais arrecadados desde o início do ano em todo o País. Nesta terça, o indicador de carga tributária já bateu seu recorde histórico anual de R$ 1.291.150.079.258,70 - volume de arrecadação obtido ao fim de 2010. Com isso, os brasileiros já entregaram a municípios, Estados e União tudo o que pagaram em 2010 e ainda faltam 41 dias para o ano terminar.

"A arrecadação deve crescer 20% em comparação com 2010, sem uma contrapartida na melhoria dos serviços públicos", reclama o presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Rogério Amato, em nota distribuída pela assessoria. A previsão da ACSP é de que arrecadação em 2011 ultrapasse a marca de R$ 1,5 trilhão.

O Impostômetro foi lançado em 20 de abril de 2005. O mecanismo considera todos os valores arrecadados pelas três esferas de governo em impostos, taxas e contribuições, incluindo multas, juros e correção monetária.

Tudo o que sabemos sobre:
impostometromarca13 trilhão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.