Índice de atividade das empresas do Fed de Dallas sobe a 2,6 em outubro

Já o índice de produção subiu para 6,9 em outubro, ante 4,0 de um mês antes

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

25 de outubro de 2010 | 13h34

O índice da atividade das empresas medido pelo Federal Reserve de Dallas avançou para 2,6 em outubro, ante -17,7 em setembro. Já o índice de produção subiu para 6,9 em outubro, ante 4,0 de um mês antes. No relatório, leituras abaixo de zero indicam contração.

De acordo com o Fed de Dallas, o índice de emprego recuou para -4,1, de 1,8 em setembro, sugerindo corte de vagas nas empresas.

O índice de novas encomendas caiu para -4,3 em outubro, de -3 no mês anterior. A taxa de crescimento de novas encomendas piorou para -2,5, em comparação com zero em setembro. O índice de embarques declinou para -2,3 em outubro, de -1 em setembro.

As leituras sobre os estoques foram divergentes. O índice dos estoques de matérias-primas melhorou para -1,9 em outubro, de -3 em setembro, mas o indicador dos estoques de bens acabados recuou para -12,5 em outubro, de 1 em setembro.

O indicador de preços pagos subiu para 29,9 em outubro, ante 24,4 em setembro. O índice de preços recebidos caiu para -3,5, de 0,5. O índice das expectativas para o emprego subiu para 13 em outubro, de 8,2 no mês anterior. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.