Índice de Confiança cai a 59,7 pontos, o pior desde julho de 2009

Índice acumula uma queda de 7,2 pontos em relação a abril do ano passado

Eduardo Rodrigues, da Agência Estado,

19 de abril de 2011 | 11h38

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) voltou a cair em abril e chegou ao seu patamar mais baixo desde julho de 2009, de acordo com dados divulgados há pouco pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Na comparação com março deste ano, o ICEI recuou 0,8 ponto e chegou a 59,7 pontos.

Apesar de esse patamar se situar exatamente na média histórica do Icei, o índice acumula uma queda de 7,2 pontos em relação a abril do ano passado. Segundo a CNI, a queda na confiança dos empresários em abril se deve à percepção do setor de que a situação dos negócios parou de melhorar. Em uma escala onde valores acima de 50 pontos indicam melhora, a variável que mede a avaliação sobre a situação atual das empresas e da economia brasileira registrou 50,5 pontos.

Ainda de acordo com a pesquisa, as expectativas dos empresários da indústria para os próximos seis meses continuam positivas, em 64,3 pontos, com ligeira queda de 0,3 pontos em relação a março. Na comparação com abril do ano passado, porém, a variável apresenta um recuo de 5,4 pontos. 

Tudo o que sabemos sobre:
confiançaindústriaCNI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.