Inflação faz Índia suspender negócios com futuros de commodities

A Índia suspendeu a negociação decontratos futuros de quatro commodities, com efeito imediato,em sua última medida para controlar a inflação, mas que acaboucausando a alta de outras commodities na quinta-feira já queoperadores redirecionaram seus investimentos para outroscontratos. A Índia adotou uma série de medidas fiscais para baixar ospreços nas últimas semanas. Agora, o regulador do mercado decommodities afirmou que os negócios com contratos futuros deóleo de soja, batata, grão-de-bico e borracha foram suspensospor quatro meses. "Isso será efetivo a partir de quinta-feira...informamos asbolsas sobre isso", disse Anupam Mishra, diretor do FMC(Forward Markets Comission), regulador do mercado local. "Não haverá negócios a partir de hoje nessas commodities...Todos os acordos serão baseados no preço de fechamento de ontem(quarta-feira)". O óleo de soja e o grão-de-bico estão entre as commoditiesmais negociadas nA

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.