Justin Sullivan/Getty Images/AFP
Justin Sullivan/Getty Images/AFP

Intel vai comprar Altera por US$ 16,7 bilhões

Os acionistas da Altera receberão US$ 54 por ação; transação dá prosseguimento à onda de consolidação no setor de semicondutores

Dow Jones

01 de junho de 2015 | 16h39

A Intel concordou em comprar a Altera por cerca de US$ 16,7 bilhões em dinheiro, um acordo que vinha sendo negociado há bastante tempo. Os acionistas da Altera receberão US$ 54 por ação, aproximadamente o preço que a companhia havia rejeitado em abril durante uma rodada anterior de negociação.

O valor de US$ 54 é quase 56% mais alto do que o patamar em que a ação operava antes de informações sobre o possível acordo serem publicadas pelo Wall Street Journal, em 27 de março. A Altera fechou a sessão de sexta-feira em Nova York a US$ 48,85 por ação. 

A transação dá prosseguimento à onda de consolidação no setor de semicondutores - um setor particularmente ativo recentemente em um ano de grandes fusões e aquisições. As empresas do setor buscam novas fontes de receita e focam em fabricantes de chips que estão em dificuldades para aumentar a lucratividade sozinhas.

Na semana passada, a Avago Technologies anunciou a compra da Broadcom Corp. por US$ 37 bilhões, a maior aquisição da história do setor de tecnologia.

Tudo o que sabemos sobre:
economianegóciosIntelAltera

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.