IPO da Chrysler pode ficar pronto até o fim do ano

O executivo-chefe da montadora italiana Fiat, Sergio Marchione, disse nesta terça-feira, 30, que as preparações para uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da Chrysler devem ficar prontas até o fim deste ano. "Provavelmente em novembro ou dezembro nós estaremos em condições de avançar com o IPO", comentou ele durante uma teleconferência com investidores.

Agencia Estado

30 de julho de 2013 | 17h56

A Fiat comprou uma fatia na Chrysler em meio à crise financeira de 2009 e atualmente detém uma participação de aproximadamente 58,5% na empresa. Os outros 41,5% estão com o UAW Retiree Medical Benefits Trust, um fundo que foi criado para financiar os benefícios de saúde dos empregados aposentados da Chrysler. No ano passado, a montadora italiana tentou exercer uma opção para comprar uma fatia de 3,3% do UAW, mas o fundo não concordou com o valor proposto e o caso foi parar em um tribunal do Estado de Delaware. Uma decisão é esperada para os próximos meses.

Ao mesmo tempo em que processou a Fiat, o UAW propôs em janeiro um IPO de uma fatia de 16,6% da Chrysler, que sairia da sua participação na companhia. Segundo Marchione, as discussões entre os dois lados continuam. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
ChryslerIPO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.