JBS desiste da National Beef e tem prejuízo no 4o tri

O JBS desistiu da aquisição da norte-americana National Beef, após não encontrar "condições satisfatórias" diante de um processo judicial nos Estados Unidos que tentava bloquear o negócio por motivos concorrenciais. O grupo, maior do mundo em capacidade de abate de bovinos, também divulgou na madrugada de sexta-feira que teve prejuízo líquido de 53,5 milhões de reais no último trimestre de 2008, ante perda de 136 milhões de reais um ano antes. O Ebtida (lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização) foi de 265,9 milhões de reais, superior aos 94,8 milhões de reais de igual trimestre de 2007. A margem dobrou no período de 1,4 para 2,8 por cento. A aquisição da National Beef havia sido anunciada no início de março do ano passado. O Departamento de Justiça norte-americano abriu o processo para impedir a operação em 20 de outubro. Se o JBS conseguisse completar a compra da National Beef, acabaria dominando o mercado norte-americano. O grupo brasileiro tem operações na Austrália, Itália, Argentina, EUA e Brasil. O JBS tem oito unidades de bovinos nos EUA, com capacidade diária de 28,1 mil cabeças e três para abate de suínos. No ano passado, a companhia comprou uma fatia de 50 por cento na italiana Inalca, o Tasman Group da Austrália, além da Smithfield Beef e da Five Rivers nos EUA. Em mensagem publicada junto com o balanço, o presidente da companhia, Joesley Mendonça Batista, destacou a redução do crédito no último trimestre de 2008 e as incertezas sobre os efeitos da crise global. "Acreditamos que o ano de 2009 recomenda cautela. Continuaremos a fazer uma gestão financeira conservadora com o objetivo de preservar os resultados e proteger nosso caixa com maiores exigências sobre os investimentos", afirmou. "Entendemos que assim estaremos preparados para promover ajustes quando necessário e aproveitar oportunidades de investimentos." (Por Roberto Samora e Daniela Machado)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.