JBS-Friboi lidera ranking de empresas transnacionais

A JBS-Friboi é a empresa brasileira com maior presença no exterior e lidera o Ranking das Transnacionais Brasileiras, preparado pela Fundação Dom Cabral. O estudo, divulgado hoje, mostra que em 2010 a JBS-Friboi obteve 77,4% da receita no exterior, onde mantém 39,8% dos ativos e 61,7% dos funcionários. A maior processadora de proteína animal do mundo é seguida no ranking pela empresa de tecnologia de informação Stefanini IT Solutions e pela Gerdau.

WLADIMIR D'ANDRADE, Agencia Estado

29 de junho de 2011 | 13h14

A classificação tem por base um índice de transnacionalidade que leva em conta três itens: receita bruta de subsidiárias, valor de ativos e números de funcionários no exterior. O estudo foi feito com informações de questionários respondidos por 49 empresas de capital majoritariamente brasileiro.

Pelo Ranking das Transnacionais Brasileiras 2011, a JBS-Friboi obteve índice de transnacionalidade de 0,596. A Stefanini ficou com 0,469 e a Gerdau, com 0,462. Na sequência, vieram o Instituto Ibope, com 0,423, e o Marfrig, com 0,380.

"Para 2011, a tendência é de que as empresas brasileiras continuem ampliando sua presença no exterior", afirmou o professor da Fundação Dom Cabral e coordenador do ranking, Sherban Leonardo Cretoiu. "Na nossa pesquisa, apenas seis empresas informaram que não pretendem buscar expansão no exterior, mas isso não significa que vão paralisar o processo. Elas talvez apenas vão se concentrar na gestão do que foi feito até agora."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.