JBS pode reduzir produção ou vender frigoríficos na Argentina

Setor enfrenta escassez da disponibilidade de gado e restrição das exportações 

Reuters,

30 de agosto de 2010 | 07h30

O grupo JBS, maior processador global de carne bovina, informou na noite de domingo que estuda reduzir a produção de carne na Argentina ou vender algumas unidades de produção naquele país, em decorrência do cenário de escassez da disponibilidade de gado e restrição das exportações.

No sábado, uma fonte havia afirmado à Reuters que o JBS poderia vender três frigoríficos que possui na Argentina.

Segundo a fonte, que preferiu não se identificar, o anúncio teria sido feito pelo secretário de Comércio Interior argentino, Guillermo Moreno, durante uma reunião que teve na sexta-feira com diretores dos principais frigoríficos do país.

Na ocasião, um porta-voz da companhia preferiu não comentar o assunto mediante consulta da Reuters.

Em documento ao mercado no domingo, o JBS acrescenta que "irá manter o mercado informado sobre qualquer fato relevante". (Vivian Pereira)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSJBSARGENTINA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.