Klabin tem lucro 56% menor no trimestre, de R$ 202 mi

Ao final do primeiro trimestre de 2013, a Klabin reportou lucro líquido de R$ 202 milhões contra R$ 459 milhões no mesmo período do ano passado, o que representa uma queda de 56%. Na comparação com o quarto trimestre de 2012, no entanto, houve aumento de 38%, quando o lucro líquido foi de R$ 147 milhões.

MARCELLE GUTIERREZ, Agencia Estado

25 de abril de 2013 | 09h41

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) no critério ajustado ficou em R$ 384 milhões, alta de 23% contra os três primeiros meses de 2012, mas estável em relação ao quarto trimestre.

No relatório de resultados, a companhia justificou que o ano de 2012 apresentou grande evolução no desempenho com o aumento da eficiência das fábricas e melhoria do mix de produtos e mercados. "A combinação desses fatores continuou a impulsionar os resultados ao longo do primeiro trimestre de 2013, que apresentou crescimento no Ebitda ajustado de 23% em comparação ao mesmo período do ano anterior", justificou a Klabin, em relatório.

A receita líquida no primeiro trimestre somou R$ 1,066 bilhão, valor 10% superior aos três primeiros meses de 2012. De acordo com o relatório da empresa, o aumento da receita foi fruto da maior seletividade de vendas aos diversos mercados.

O resultado financeiro no primeiro trimestre, excluídas as variações cambiais, ficou negativo em R$ 43 milhões. As receitas financeiras foram de R$ 46 milhões e as despesas ficaram em R$ 89 milhões. No primeiro trimestre de 2012 o resultado financeiro também foi negativo, em R$ 21 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
Klabinbalanço1º trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.