Kraft quer reduzir base de fornecedores pela metade

A Kraft Foods planeja reduzir sua base de fornecedores pela metade, iniciativa que afetará mais de 30 mil companhias. O plano tem como objetivo ajudar a maior fabricante norte-americana de alimentos a economizar mais de 300 milhões de dólares por ano.

BRAD DORFMAN, REUTERS

09 de setembro de 2009 | 10h11

Consolidar a compra de ingredientes a materiais para embalagem é parte de um plano para melhorar a produtividade do grupo, que também inclui logística e produção, informou a Kratf Foods à Reuters.

A Kraft também revelou nesta semana outra tentativa de grande aquisição, uma oferta de 16,7 bilhões de dólares pela Cadbury, que até agora foi rejeitada pela companhia britânica.

"Isso é provavelmente a primeira visão verdadeiramente holística que tomamos", disse Julia Brown, vice-presidente sênior de aquisições da Kraft, em uma entrevista à Reuters. "Nós essencialmente estamos pegando uma folha branca de papel e dizendo 'qual é o número certo de fornecedores para sustentar essa categoria particular, quem são eles, qual é a capacidade que precisamos agora e no futuro, e se a atual base de fornecedores tem isso'."

A Kraft discute o plano em uma apresentação a analistas nesta quarta-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
ALIMENTOSKRAFTFORNECEDORES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.