Lafarge vende operação de cimento no Equador

A francesa Lafarge, do setor de materiais de construção, anunciou que está vendendo uma operação de cimento no norte do Equador para a Unión Andina de Cementos, conhecida como Unacem, por US$ 553 milhões. A venda vai ajudar a Lafarge a reduzir sua dívida para menos de US$ 9 bilhões este ano.

AE, Agencia Estado

27 de maio de 2014 | 14h48

A Lafarge opera uma fábrica de cimento integrada no norte do Equador, com capacidade de 1,4 milhão de toneladas. A empresa francesa passou os últimos meses se ocupando da fusão com o grupo suíço Holcim. O plano de fusão anunciado em 7 de abril prevê a criação de uma gigante com vendas anuais em torno de US$ 44 bilhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
LafargevendaEquadorcimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.