Licença definitiva de Belo Monte deve sair na 6a, dizem fontes

A licença ambiental de instalação definitiva da hidrelétrica de Belo Monte (PA) deve ser liberada até sexta-feira, dia 27, disseram à Reuters duas fontes a par do assunto.

LEONARDO GOY E JEFERSON RIBEIRO, REUTERS

24 de maio de 2011 | 17h41

Uma das fontes, do Palácio do Planalto, disse que a chance maior é de que a licença saia mesmo na sexta-feira.

A outra fonte --da concessionária do projeto Norte Energia, que também falou sob condição de anonimato-- afirmou que nos últimos dias o Ibama solicitou algumas informações adicionais sobre o empreendimento. Os esclarecimentos já foram feitos, disse o interlocutor.

Na semana passada, o presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama), Curt Trennepohl, já havia declarado que os técnicos do instituto haviam realizado a última vistoria antes da possível emissão da licença definitiva de Belo Monte. Mas ele não se comprometeu com previsões de prazo para liberação do documento.

Procurado, o Ibama se limitou a informar nesta terça-feira que as análises continuam sendo feitas, sem dar um prazo para a concessão da licença.

Em janeiro, o Ibama liberou uma licença de instalação parcial, que autoriza apenas a execução dos trabalhos iniciais, como a montagem dos canteiros de obras de Belo Monte. Para levar a obra adiante e construir a usina toda, é necessária uma licença de instalação plena.

A usina, a ser construída no rio Xingu, terá potência de 11,2 mil megawatts (MW). O empreendimento é contestado por ambientalistas e comunidades indígenas da região.

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIABELOMONTELICENCA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.