Limite de carga horária de trabalho força WebJet a cancelar voos

A quarta maior companhia aérea do país, WebJet, decidiu cancelar mais da metade dos voos previstos para esta segunda-feira para não exceder norma legal que prevê limite de horas de trabalho de tripulações.

REUTERS

27 de setembro de 2010 | 14h32

A companhia, que em agosto estava atrás de TAM, Gol e Azul, com participação de 5,82 por cento do mercado nacional, tinha cancelado até o final desta manhã 27 de um total de 50 voos programados. Enquanto isso, a empresa registrava 11 atrasos, de acordo com dados da Infraero.

"Está havendo cancelamentos de voos pela empresa e confirmamos que o motivo são horas excedidas pela tripulação", afirmou a assessoria de imprensa da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Segundo a assessoria, a autarquia está verificando os problemas da companhia e poderá determinar multa.

Procurada, a WebJet informou que os cancelamentos e atrasos causam "problemas localizados em alguns aeroportos". Segundo a companhia, "o forte crescimento da demanda em setembro levou a empresa a remanejar passageiros por meio de contatos antecipados via call center".

Sem informar quantos passageiros foram afetados pelos problemas, a empresa afirma que "90 por cento deles foram avisados previamente, evitando deslocamentos desnecessários até os aeroportos".

A companhia afirma que está tomando medidas para realocar passageiros em voos da própria WebJet e de outras companhias.

Entre o final de julho e início de agosto, a Gol também enfrentou problemas significativos de atrasos e cancelamentos. Na ocasião, a implantação de um novo sistema de horários de tripulantes pela empresa acabou afetando mais de 300 voos da companhia.

Nesta segunda-feira, a Infraero, estatal responsável por aeroportos no país, informou que o número total de voos cancelados e atrasados era de, respectivamente, 84 e 106 num total de 911 programados. Além da WebJet, havia 28 voos domésticos cancelados da Gol e 17 da TAM.

A legislação brasileira determina que o tripulante de aviões a jato, como os usados pela WebJet, não pode ultrapassar 85 horas de tempo de voo por mês.

Tudo o que sabemos sobre:
AEREASWEBJETCANCELAMENTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.