Lucro da Adobe cai 59% no trimestre fiscal, a US$ 83 mi

A Adobe Systems divulgou nesta terça-feira, 17, que obteve lucro líquido de US$ 83 milhões (US$ 0,16 por ação) no seu terceiro trimestre fiscal, encerrado em 30 de agosto, uma queda de 59% na comparação com o mesmo período do ano anterior. A receita recuou 7,9%, para US$ 995,1 milhões. Mesmo assim, por volta das 18h (horário de Brasília), as ações da companhia subiam 4,57% no after hours da Bolsa de Nova York, com a notícia de que a companhia angariou mais assinantes para seu serviço de nuvem "Creative Cloud" do que o esperado.

Agencia Estado

17 de setembro de 2013 | 18h22

A Adobe, fabricante de programas como o Photoshop e o Illustrator, está em um processo de transição da venda de pacotes fechados de softwares para uma base de assinantes de serviços. A companhia encerrou o terceiro trimestre fiscal com 1,3 milhão de clientes no serviço "Creative Cloud", uma aumento de 331 mil na comparação com o trimestre imediatamente anterior. A receita da companhia com esse serviço cresceu 28% na comparação anual, para US$ 254,9 milhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Adobe

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.