Lucro da americana Ford sobe 71% no 3º trimestre

A montadora norte-americana Ford informou hoje que seu lucro cresceu 71% no terceiro trimestre, para US$ 1,7 bilhão, ou US$ 0,43 por ação, ante os US$ 997 milhões (US$ 0,29 por ação) do mesmo período do ano passado. O resultado marcou o sexto lucro trimestral seguido da companhia. Analistas esperavam lucro de US$ 0,38 por ação.

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

26 de outubro de 2010 | 12h05

A receita da Ford, excluindo as operações da Volvo Cars, totalizou US$ 30,7 bilhões no terceiro trimestre. A montadora também anunciou que quitou um empréstimo rotativo de US$ 2 bilhões e que vai fazer um pagamento em dinheiro de US$ 3,6 bilhões na sexta-feira, para cobrir a última de suas obrigações com um fundo de saúde para aposentados. Essas ações reduzirão a dívida total da empresa para US$ 22,8 bilhões, ante os US$ 27,3 bilhões registrados no dia 30 de junho.

A Ford também planeja reduzir sua dívida por meio da oferta de títulos no quarto trimestre. Será oferecido aos acionistas da companhia um prêmio em dinheiro como um incentivo para que convertam a dívida da Ford em ações ordinárias. "Nosso desempenho nos primeiros nove meses excedeu claramente as nossas expectativas iniciais", disse o executivo-chefe da Ford, Lewis Booth, em comunicado. "Nós estamos agora num período em que estamos centrando foco no crescimento de um negócio rentável em todo o mundo, após o árduo trabalho que foi feito pela equipe inteira da Ford para corrigir os fundamentos." As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
carromontadoraFordlucrobalanço

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.